Prefeitura de SV e CPFL realizam blitze de conscientização >> Prefeitura Municipal de São Vicente
Voltar

Projetos


12 de setembro de 2017

Prefeitura de SV e CPFL realizam blitze de conscientização

Campanha “Chega de choque” alerta a população sobre cuidados a serem tomados no contato com a rede elétrica

 

Construções e pinturas, ligações clandestinas, poda de árvores e pipas são algumas das causas de acidentes que acontecem junto à rede de energia elétrica. Com o intuito de evitar novas ocorrências do gênero, a CPFL, em parceria com a Prefeitura de São Vicente, realiza nesta quinta-feira (14) a campanha “Chega de Choque”, trazendo à Cidade a divulgação sobre segurança.

 

Das 9 às 17h, uma equipe realiza blitze na Praça Barão (Centro), Lagoa do Quarentenário (Avenida São Paulo – Quarentenário) e junto à Ponte Pênsil (Avenida Tupiniquins – Japuí). Nos locais, vans estacionadas estarão com alto-falantes e um aparelho de TV na parte externa, veiculando vídeo de conscientização. Todos que assistirem ao filme receberão brinde.

 

Dados da Associação Brasileira de Conscientização para os Perigos da Eletricidade (Abracopel) apontam que 653 pessoas perderam suas vidas em acidentes de origem elétrica no ano de 2016. Destas, 599 mortes foram por choque elétrico, 33 em incêndios gerados por curtos-circuitos e 24 óbitos por descargas atmosféricas (raios).

 

Campanha – A blitz passará por pontos estratégicos em mais de 30 cidades do interior de São Paulo, Baixada Santista e Rio Grande do Sul. Promotores devidamente treinados abordarão os cidadãos com informações sobre os riscos e as precauções a serem tomadas perto da rede elétrica. A distribuição de folders, cartazes e brindes personalizados será realizada como forma de divulgação da ação. O objetivo da campanha é reduzir os índices de acidentes com profissionais liberais, como pintores de fachadas, calheiros, instaladores de painéis, eletricistas e trabalhadores da área rural, além de alertar a população sobre outros perigos, como o de se empinar pipas próximo da rede elétrica, usar cabos energizados para pendurar bandeirolas durante festas juninas, fazer ligações elétricas sem conhecimento etc.

 

Leia Também