Rede Corporativa
Santos - São Paulo - Brasil, 13 de novembro de 2018.
07/11/2018
Notícias
Vicentinos terão um domingo de boa convivência
 
Com a proposta de reunir, integrare oferecer momentos de boa convivênciaà sociedade vicentina, o Núcleo de Justiça Restaurativa de São Vicente, com apoio da Prefeitura, promove uma tarde especial, no domingo (11), a partir das 14 horas, na Praça Tom Jobim, na Praia do Gonzaguinha.
No encontro, serão realizados jogos educativos e atividades culturais e esportivas. Ainda, serão oferecidos serviços de aferição de pressão arterial e promovidas campanhas do Novembro Azul e de conscientização sobre o Meio Ambiente.
A confraternização também abrirá, a partir das 16 horas, a possibilidade de a sociedade conhecer os princípios da Justiça Restaurativa, por meio dos facilitadores e capacitadores envolvidos nesta proposta mundial e convidados especialmente para o evento na Cidade. As Práticas Restaurativas, inclusive, têm na norte-americana Kay Pranis uma de suas principais entusiastas.
Facilitadora e capacitadora em práticas restaurativas reconhecida mundialmente, Kay Pranis estará em São Vicente, no sábado (10) de manhã. Em evento que será realizado no Salão Nobre da Associação Comercial (Rua Jacob Emmerich, 1238 - Parque Bitaru), Kay e a facilitadora e capacitadora brasileira Nelly Boonem, coordenadora do Centro de Direitos Humanos do Campo Limpo, em São Paulo, serão homenageadas.
“As senhoras KayPranis e Nelly Boonem serão homenageadas por todo o trabalho que têm promovido em prol da Justiça Restaurativa. Esta iniciativa tem obtido importantes resultados em todo o Mundo. São Vicente abraçou esta ideia por meio da Lei Municipal 3658-A, sancionada pelo prefeito Pedro Gouvêa no ano passado”, comenta a juíza do Juizado Especial Cível e Criminal e coordenadora do Núcleo de Justiça Restaurativa de São Vicente, Dra. Fernanda de Lima Carvalho.
Justiça Restaurativa – Funcionando há cerca de 14 anos no Brasil, a prática da Justiça Restaurativa tem como princípios a promoção do diálogo, da convivência harmoniosa e do senso de pertencimento e cidadania, por meio da abordagem adequada e transformação dos conflitos sociais e da violência, em todas as suas formas.
Consideram-se Práticas Restaurativas a realização de Círculos de Diálogo, Círculos de Formação de Consenso, Círculos de Reparação de Danos e Mudança de Comportamento e Entendimentos, dentre outras que adotem integralmente seus princípios e métodos.
Quanto aos princípios, destacam-se a voluntariedade, a informalidade, a simetria nas relações, a interdependência, o protagonismo, o empoderamento e o perdão como manifestação, a autorresponsabilidade, a reparação de danos e a abolição de medidas meramente punitivas e penalizantes.
            Além disso, os métodos restaurativos são constituídos pela escuta qualificada e empatia, pela expressão de necessidades, sempre que possível por meio de comunicação não violenta, pela igualdade de oportunidade de manifestação, pelo uso da criatividade, pelo respeito incondicional epelo trabalho em rede e parceria.
Livro – em seu livro “Processos Circulares”, KayPranis define que os processos circulares de construção de paz, facilitados por profissionais treinados, permitem a plena expressão das emoções numa atmosfera de respeito genuíno, fruto da escuta qualificada e do empoderamento de todos os participantes.



Atalhos da página

Prefeitura de Sâo Vicente

Quem curte

Prefeitura de Sâo Vicente

Siga no Instagram

Prefeitura de Sâo Vicente

Siga no Twitter



Prefeitura 

ACESSO RÁPIDO



Todos os Direitos reservados - Secretaria de Imprensa e Comunicação Social de São Vicente | Acesse Webmail | Troca de senha Webmail
Rede Corporativa e-Solution Backsite