Definida cédula de votação para eleição das frutas em creche na sexta-feira (21)

Após campanha de candidatos e com título eleitoral em mãos, crianças vão às urnas para escolher entre Abacaxi, Banana e Morango

Compartilhe!

2 curtiram

 

A expectativa é grande entre as crianças da creche El Shaday (R. Tamoios, 138/178 - Parque São Vicente), que na sexta-feira (21) vão às urnas, a partir das 8h, para escolher candidatos para lá de saborosos, com direito, inclusive, a instituto de pesquisa, título de eleitor e urna. A ordem da cédula de votação foi definida, com as figuras da Banana, do Abacaxi e do Morango. Assim como no processo eleitoral brasileiro, o voto será secreto.
 
Embora o pleito seja ‘de mentirinha’, o projeto desenvolvido pela unidade é de grande valor pedagógico, preparando na construção do senso crítico e fomentando o gosto pela democracia. Trata-se do primeiro contato dos pequenos  com o exercício da cidadania, aprendendo desde cedo como funciona uma eleição em todas as suas etapas. 
 
A campanha eleitoral, por exemplo, começou em setembro. Cada sala escolheu a fruta de sua preferência para concorrer no sufrágio e, quem sabe, vencer as eleições. A turma do berçário defende o saboroso Morango; o maternal 1 escolheu a vitaminada Banana; e o maternal 2 aposta na acidez do Abacaxi - todos candidatos com grandes qualidades nutricionais. 
 
Dessa forma, o clima visto na TV e nas ruas durante o período foi adaptado para o ambiente educacional, com pesquisa ‘Varejob’ (uma variação do Ibope), produção de santinhos e cartazes, programa eleitoral e muito mais. 
 
Os pais também estão envolvidos, respondendo as pesquisas do ‘Varejob’ enviadas para casa. Além dos pequenos fazerem a propaganda eleitoral, os familiares foram convidados a ajudar, criando vídeos de apoio ao candidato e, também, comparecendo para votar. 
 
Coordenadora de assuntos pedagógicos da El Shaday, Fabiana Madureira destaca que as frutas estão em evidência na unidade. “Toda semana tivemos um momento culinário com os pequenos, com doce de banana, mousse de morango, frutas in natura, e um delicioso bolo que o Sr. Abacaxi garante que vai alavancá-lo na pesquisa”, brinca.
 
A pedagoga completa que as crianças estão vivenciando um momento de muita aprendizagem e de um jeito muito divertido. “Desta maneira, crescerão entendendo a importância da democracia e, de forma lúdica e simplificada, participarão de uma eleição”.
 
A questão do respeito também está sendo tratada no projeto. “É uma ação válida para as crianças, que aprendem na creche e levam para dentro de casa a importância da democracia, com uma eleição feita de forma justa, competitiva e sem briga”, ressaltou o supervisor de ensino da Secretaria de Educação (Seduc), André Zeferino Oliveira.
 
 
Por - Renato Pirauá

Álbum de Fotos