Rede Corporativa
Santos - São Paulo - Brasil, 15 de junho de 2024.
23/03/2023
NOTÍCIAS
Mutirão da Saúde registra mais de 50% de ausências nos serviços agendados
Desde 23 de janeiro deste ano, quando a Prefeitura de São Vicente iniciou o Mutirão da Saúde para zerar a fila de espera de pacientes que aguardam por consultas de especialidades, exames e cirurgias oftalmológicas, foi registrado, infelizmente, que mais da metade dos serviços agendados não foram realizados, ou seja, os pacientes não estão comparecendo aos procedimentos marcados.
 
A principal dificuldade identificada pelos gestores é o não cancelamento do agendamento, em tempo hábil, por parte do munícipe, para que seja possível o encaixe de outra pessoa que precise. 
 
As equipes da Secretaria de Saúde (Sesau) também enfrentam dificuldades para conseguir contato com esses pacientes para comunicar sobre o agendamento. 
 
Apesar de divulgado amplamente nas redes sociais e meios de comunicação, os moradores da Cidade não têm comparecido às unidades de saúde para a atualização de cadastro, o que atrapalha muito o andamento do mutirão, que segue uma lista espera única, de acordo com a data de solicitação, conforme consta no Departamento de Regulação. 
 
Para impulsionar a atualização de cadastro dos pacientes e diminuir o absenteísmo do Mutirão, a Sesau criou uma força-tarefa para atuar neste sábado (25), das 9h às 14h. Cerca de 30 agentes comunitários de saúde e assistentes administrativos vão passar a manhã na sede administrativa da secretaria, tentando contato com os pacientes que aguardam os procedimentos. A Sesau pede aos munícipes que aguardam agendamento de exames e consultas de especialidades, que estejam atentos aos seus celulares e que atendam às chamadas de números desconhecidos. 
 
Outra iniciativa da Sesau para incentivar os munícipes a atualizar o cadastro será realizada no sábado (1º/4), das 9h às 15h, quando todas as unidades de saúde estarão abertas exclusivamente para atender as pessoas que não conseguem ir ao posto durante a semana. A Sesau ressalta que as unidades de saúde seguem com a atualização do cadastramento de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h30. 
 
Vale lembrar que a expectativa da Prefeitura é realizar cerca de 33 mil atendimentos em 120 dias.
 
Para atender essa demanda reprimida, a Administração Municipal fez parceria com seis clínicas particulares, de São Vicente, Praia Grande e Santos, que mantêm seus profissionais à disposição do mutirão e que, na maioria das vezes, não conseguem atender nem a metade dos pacientes agendados, que não aparecem. O Centro de Apoio ao Diagnóstico (CAD), recém-inaugurado na Cidade, também participa do mutirão. 
 
As sete unidades atendem de segunda a sexta-feira e, pensando nos moradores que trabalham durante a semana e não conseguem comparecer às clínicas, algumas delas também abrem aos sábados e domingos.
 
"É fundamental que as pessoas que estavam na fila procurem imediatamente a Unidade de Saúde mais próxima de sua residência para atualizar o cadastro, para que os profissionais da Secretaria de Saúde entrem em contato para o agendamento das consultas, exames e cirurgias", ressaltou a secretária de Saúde, Michelle Santos.
 
O Mutirão está sendo realizado através de um recurso conseguido junto ao Governo do Estado, da ordem de R$ 10 milhões. 
 
Mutirão - Entre os procedimentos disponibilizados, estão exames de colonoscopia, endoscopia,  ecocardiograma, eletrocardiograma e ultrassonografias diversas. Sobre consultas especializadas, estão sendo atendidos pedidos de cardiologia, cirurgia vascular, dermatologia, endocrinologia, neurologia, ortopedia e otorrinolaringologia. Já com relação às cirurgias oftalmológicas, pacientes que precisam tratar de catarata e glaucoma estão sendo acolhidos, saindo da fila de espera e realizando a operação.


Atalhos da página

Rede Corporativa e-Solution Backsite