Rede Corporativa
Santos - São Paulo - Brasil, 21 de maio de 2024.
01/05/2023
NOTÍCIAS
São Vicente realiza operação de combate ao turismo ilegal na cidade
Na manhã deste domingo (30), a Prefeitura de São Vicente por meio das secretarias de Mobilidade Urbana (Semob) e Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur), realizou uma ação de combate ao turismo ilegal no Município. A blitz ocorreu na Av. Antônio Emmerich, na altura da divisa dos tambores.
 
Entre as autoridades estiveram presentes o diretor do Sindicato dos Guias de Turismo do Estado de São Paulo, Antonio Carlos Santos de Carvalho, a auxiliar Adriana Perrone, e Marcos Paulo, do Receptivo Litoral. 
 
GUIA DE TURISMO - A profissão é regulamentada desde 1993 no País, através da Lei Federal 8.623/93 e, para exercê-la, é necessário cumprir alguns requisitos. É obrigatório ensino médio concluído e ter, no mínimo, 18 anos para atuar como guia de turismo regional. Já para ocupar o cargo de guia de excursão nacional ou internacional, é necessário ser maior de 21 anos. Após formação e treinamento prático é obrigatório o credenciamento no Ministério do Turismo para obtenção do Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos (CADASTUR), que regulamenta empresas e profissionais atuantes no setor.
 
O Guia de Turismo é, antes de tudo, um apaixonado pela sua região. O profissional é um embaixador, um anfitrião dos viajantes que chegam a sua cidade. “Essa fiscalização é de extrema importância para manter os profissionais de turismo na ativa. Para que a gente possa ter um turismo cada vez melhor e mais sustentável na cidade de São Vicente”, comentou Antonio Carvalho.
 
OPERAÇÃO - Durante a operação 12 veículos, entre ônibus, vans e micro-ônibus foram abordados pela blitz, oito foram autorizados a entrar no município e três ônibus irregulares foram autuados. A autorização de entrada é emitida pela Sedetur e, também, pela Semob.
 
Foi constatado, ainda, que um estacionamento estaria recebendo os ônibus irregulares que chegam à cidade, acompanhados por monitores de excursão não autorizados. Deste modo, estaria contribuindo para a prática ilegal do exercício da profissão de Guia de Turismo. 
 
A Sedetur irá comunicar à Secretaria de Comércio, Indústria e Negócios Portuários (Secinp) para verificar as condições do estabelecimento. Os condutores dos veículos foram orientados pelos agentes e dispensados.
 
A Semob realiza diariamente a fiscalização de veículos de turismo no Município. Aos finais de semana, as ações são intesificadas com ações de blitz em pontos estratégicos para coibir a entrada de veículos clandestinos.
 
Por Maurício Massaro

Atalhos da página

Rede Corporativa e-Solution Backsite