Rede Corporativa
Santos - São Paulo - Brasil, 20 de maio de 2024.
28/06/2023
NOTÍCIAS
Coral 'SUSpirando' leva amor e alegria em estreia no Hospital do Vicentino
Ao som de músicas de Lulu Santos, Milton Nascimento e Rita Lee, o coral 'SUSpirando', idealizado e formado por servidores da Secretaria de Saúde de São Vicente (Sesau-SV), fez sua estreia e emocionou pacientes e funcionários do Hospital do Vicentino na primeira apresentação, realizada nesta terça-feira (27).
 
As pessoas que estavam no local foram contempladas com uma tarde repleta de descontração e muitas canções boas, como ‘Toda Forma de Amor’ e ‘Maria Maria’. A música ‘Saúde’, da cantora e rainha do rock brasileiro Rita Lee, também foi apresentada para os pacientes.
 
A escolha do repertório busca levar mensagens de esperança e tocar a alma de todos os presentes. Ao mesmo tempo, é animado e leve, com canções conhecidas para que todos possam participar cantando.
 
Valmir da Silva Lima, de 63 anos, foi um dos primeiros privilegiados a escutar o grupo musical. Durante toda a apresentação ele cantou junto e chorou emocionado. “Eu amei. Trouxe uma grande alegria. Só tinha tristeza na minha vida. Eu chorei, mas foi de emoção e amor. Eu percebi no rosto de cada pessoa que estava cantando que tudo foi feito com muita satisfação e carinho para nós. Tenho certeza que fez muito bem tanto para eles, quanto para mim”.
 
Sonia Maria da Silva, de 61 anos, estava angustiada e apreensiva por conta de um procedimento que vai realizar no coração. Ao ouvir as músicas entoadas pelo coral, a idosa ficou sem palavras e chorou emocionada. “Estou muito feliz, não esperava por isso. Estão todos muito lindos. Foi emocionante demais”. 
 
Erika Cesário Alves, de 35 anos, foi mais uma das pessoas surpreendidas no Hospital do Vicentino pela apresentação do coral. Emocionada, ela cantou os grandes hits junto com o ‘SUSpirando’. ”Eu achei tudo muito lindo e leve. Trouxe muita alegria para nós, porque sai dessa rotina de hospital. Gostei muito”.
 
O assistente administrativo, Arthur Ramos de Oliveira, de 22 anos, é um dos servidores que faz parte do coral. Além de participar do grupo cantando, o jovem funcionário teve outro papel importante na apresentação. Através da Língua Brasileira de Sinais, Arthur interpretou as músicas para uma paciente surda. 
 
"Eu já conhecia a moça e sabia que ela era deficiente auditiva, assim, eu me dispus a traduzir as canções. Ela estava super entusiasmada com a apresentação e no final disse que gostou bastante. Esse é nosso objetivo, trazer felicidade para todas as pessoas, de maneira bem inclusiva", destacou o servidor.
 
Presente na apresentação e uma das idealizadoras do projeto, a secretária de Saúde, Michelle Santos, cantou e se emocionou. “Fiquei muito feliz e grata com o resultado da primeira apresentação. A minha intenção com o coral é levar amor e carinho em forma de música para os pacientes, acompanhantes e funcionários. Todo mundo unido e se sensibilizando com a dor do outro. É muito bacana estar presente nesses espaços, conhecendo histórias e alegrando as pessoas. Pretendemos cantar nos hospitais uma vez ao mês para nossos pacientes”.
 
A criação do coral surgiu a partir de um momento de reflexão e desejo da secretária em levar mais humanização para as pessoas que estão sendo atendidas ou estão internadas nas dependências das unidades hospitalares da Cidade. 
 
Outro ponto principal para o surgimento do grupo foi estabelecer uma conexão entre os servidores e os pacientes que estão passando por um momento difícil de saúde. 
 
Foi então que há três meses cerca de 40 servidores, juntamente com a secretária, se reuniram e deram o pontapé na preparação dos ensaios e decisões para o nascimento do coral 'SUSpirando'.
 
O nome do projeto faz alusão ao Sistema Único de Saúde (SUS) e, a junção com a palavra “pirando” remete ao ato de suspirar no canto e na vida. A participação dos servidores é voluntária e a adesão foi aumentando no decorrer dos ensaios.
 
Os profissionais que compõem o grupo atuam em diversos setores da secretaria da Saúde, como Compras, Obras, Recursos Humanos, Informática, Frota, Manutenção, Auditoria e Jurídico, entre outros. 
 
Já o comando do coral está por conta de servidores que têm algum conhecimento de música. Uns tocam em igrejas, outros dão aulas de instrumentos musicais, e tem até profissionais que fazem parte de bandas.  A ideia é unir as experiências e aplicar no grupo para que o resultado seja o melhor possível. 
 
Os ensaios acontecem toda terça e sexta-feira, após o horário de expediente. O grupo musical já tem camiseta personalizada e todos os participantes cantam uniformizados.
 
A próxima apresentação do Coral SUSpirando deve acontecer em breve, no Hospital Doutor Olavo Horneuax de Moura, no Humaitá.
 
Por Emerson Nascimento

Atalhos da página

Rede Corporativa e-Solution Backsite