Rede Corporativa
Santos - São Paulo - Brasil, 22 de fevereiro de 2024.
01/12/2023
NOTÍCIAS
Kayo Amado anuncia 41ª Encenação da Fundação da Vila de São Vicente. Reconstrução, Fé e Inclusão serão conceitos principais da obra
A Praia do Gonzaguinha voltará a ser palco para o maior espetáculo teatral em areia de praia do Mundo. Nesta sexta-feira (1º), em cerimônia acompanhada de uma coletiva de imprensa, autoridades do Município, Estado e iniciativa privada oficializaram a 41ª edição da Encenação da Fundação da Vila de São Vicente, que retornará ao seu modelo tradicional, com apresentação que promete emocionar o público na revitalizada Nova Orla do Gonzaguinha, no aniversário de 492 anos da Primeira do Brasil (22 de janeiro). O evento será realizado sem a destinação de recursos públicos do Município. 
 
O encontro desta sexta-feira contou com a participação do prefeito Kayo Amado, da vice Sandra Conti, do deputado estadual Caio França, do presidente da Câmara Municipal, Adilson da Farmácia, da diretora-presidente do Instituto Adesaf, Fernanda Gouveia e do diretor Comercial e Marketing da Brasil Terminal Portuário (BTP), Claudio Oliveira. Além de Ricardo Arten, CEO da BTP, que participou através de vídeo.
 
A Brasil Terminal Portuário apoia a iniciativa por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura (Lei Rouanet/Pronac), e será a destinação do maior recurso de sua história para um único projeto social, com aporte de R$2 milhões. O evento deve contar com mais patrocinadores, ainda em fase de negociação.
 
Recordando os empecilhos encontrados para a realização da Encenação, o prefeito Kayo Amado comemorou a conquista e ressaltou a importância da valorização cultural, buscando gerar uma memória afetiva nas pessoas. “A Encenação é o maior patrimônio cultural que a nossa cidade tem. É papel de qualquer gestor público desse município não deixar essa chama apagar. Em 2021, vivíamos o cenário da pandemia. Tínhamos o desafio de manter a Encenação viva sem podermos realizá-la presencialmente. Produzimos, então, um documentário contando nossa história. Em 2022, ainda vivíamos uma angústia, pois não sabíamos o que viria pela frente com relação à pandemia. Contamos a história da fundação da Vila de São Vicente em uma projeção mapeada no Paço Municipal. Foi muito bom ver nossa cidade receber algo tão inovador no seu aniversário. O ano de 2023 foi marcado por desafios, que somaram-se a um fato muito bom, as obras na Orla do Gonzaguinha. Entretanto, devido à revitalização da orla, não seria possível envolver tanta gente para um evento dessa magnitude. Isso foi um impeditivo para realizarmos a Encenação na praia. Decidimos, então, mantê-la viva com um outro formato, levando o espetáculo aos bairros da Cidade. Criamos esse novo formato buscando reconectar as relações do vicentino com a Encenação. Agora, com toda essa integração entre Município, o Deputado Caio França, BTP e Adesaf, a Praia do Gonzaguinha volta a receber o maior espetáculo em areia de praia do Mundo. São 41 anos de Encenação e será incrível. As pessoas poderão passar por esse espaço tão lindo registrando uma marca inesquecível, de resgate à nossa história".
 
O deputado estadual Caio França destacou o esforço para viabilizar o retorno do espetáculo às suas origens, sem comprometimento aos cofres públicos. "Não utilizaremos R$1 sequer de recursos da Prefeitura de São Vicente. Essa é uma grande notícia, principalmente pelas dificuldades financeiras que o Município enfrenta. Eu já participei da Encenação. Mais importante do que estar ao lado de artistas famosos é poder fazer parte da história em um evento que reúne tanta gente na areia da praia, com mais de 5 mil pessoas assistindo. É uma emoção que não consigo explicar, apenas sentir. Será na nova Orla do Gonzaguinha, agora revitalizada. Estamos muito felizes com essa parceria da BTP. Seguimos buscando mais apoio, mas já dá para confirmar que a encenação está de pé para 2024".
 
O CEO da BTP, Ricardo Arten, explica que o apoio ao projeto por meio de leis de incentivo fiscal é uma demonstração do compromisso da empresa com a Baixada Santista e o fortalecimento da relação porto-cidade. “No ano em que celebramos 10 anos de operação no Porto de Santos, ficamos muito felizes de poder fazer parte da volta da Encenação da Fundação da Vila de São Vicente. Um espetáculo cultural que democratiza a cultura, estimula a economia da região, e, principalmente, amplia o orgulho do vicentino e de todos os moradores da Baixada Santista”, afirma. O diretor Comercial e Marketing da BTP, Claudio Oliveira, que participou da cerimônia simbólica, na manhã desta sexta-feira, complementa que a BTP busca incentivar iniciativas que possam ser vetores de desenvolvimento regional e que deixem um legado para a população. “O ESG está no nosso DNA, começou antes mesmo das nossas operações com a remediação do maior passivo ambiental em área portuária do País e sempre permeou nossas ações sociais e de governança”, explica.
 
“É a sétima Encenação que a Adesaf produz. O que nos deixa muito honrados é saber que estamos ao lado de pessoas que acreditam na cultura como ferramenta de inclusão e de transformação social. Vamos trabalhar muito para ser o melhor espetáculo da história", ressaltou a diretora-presidente do Instituto Adesaf, Fernanda Gouveia.
 
Encenação da Fundação da Vila de São Vicente - O maior espetáculo em areia de praia do Mundo reproduz, no aniversário da Cidade, a chegada de Martim Afonso à Vila de São Vicente em 1532, a primeira vila do Brasil. Ao longo de suas edições, a peça teatral já ilustrou a Fundação de São Vicente de inúmeras e distintas maneiras, tendo sido protagonizada por grandes nomes do cenário artístico brasileiro, como Ney Latorraca, Francisco Cuoco, Suzana Alves, Felipe Simas e Carol Castro, Matheus Nachtergaele, Murilo Rosa, Alexandre Borges, a dupla Maria Cecília e Rodolfo, Duda Nagle, Marcos Frota e Carol Nakamura.
 
Neste ano, a Encenação será estruturada em três eixos: 
1. Reconstrução: consiste na retomada do evento com a recuperação dos espaços públicos e resgate do orgulho vicentino. Vale lembrar que a cerimônia será na Nova Orla do Gonzaguinha, que está sendo revitalizada;
2. Fé: a fé será um dos pilares da Encenação 2024, visto que o evento representa a volta do maior patrimônio cultural de São Vicente praia pós-pandemia, que marcou um momento delicado da humanidade;
3. Inclusão: marca da atual gestão, também será um dos pilares da Encenação 2024, através da democratização do acesso ao espetáculo.
 
As inscrições estarão abertas de 4 a 11 de dezembro, de maneira presencial ou virtual.  Os interessados devem ter 12 anos ou mais e residir em São Vicente. Os cadastros online devem ser feitos no site: https://www.saovicente.sp.gov.br/encenacao2024.
 
Inscrições presenciais:
- Subprefeitura (Avenida Ulisses Guimarães, 211 - Rio Branco), das 9h às 17h
- Paço Municipal (Rua Frei Gaspar, 384 - Centro), das 9h às 17h 
- Ginásio Jepom (Av. Martins Fontes, 735 - Catiapoã), das 9h às 21h.
 
Documentos: cópia de RG e comprovante de residência; caso seja menor de idade, o interessado deve estar acompanhado do pai ou responsável.
 
A 41ª Encenação da Fundação da Vila de São Vicente é financiada via Lei Rouanet, de incentivo fiscal, do Ministério da Cultura. A realização é da Prefeitura de São Vicente, por meio da Secretaria de Cultura (Secult), e do Instituto Adesaf. O evento conta com patrocínio da Brasil Terminal Portuário (BTP).

Atalhos da página

Rede Corporativa e-Solution Backsite