Rede Corporativa
Santos - São Paulo - Brasil, 22 de fevereiro de 2024.
02/01/2024
NOTÍCIAS
Demolição do Crei marca início de nova era da saúde em São Vicente
O ano começou com um ato histórico em São Vicente. Nesta terça-feira (2), às 11h, o prefeito Kayo Amado deu início ao processo de demolição do Crei. Simultaneamente ao início da demolição, o chefe do Executivo assinou o autorizo para a construção da nova UPA Central da Cidade, que será construída no lugar da antiga rede de urgência e emergência. A ação marca o início das entregas de aniversário do Município.
 
O processo de demolição e limpeza do espaço será concluído em cerca de 180 dias. Posteriormente, será viabilizado o início das obras da UPA Central, nova rede de urgência e emergência, que, com uma estrutura moderna, atenderá com dignidade às necessidades do vicentino. 
 
O montante necessário para a construção da unidade foi adquirido graças a constantes tratativas do prefeito com o Governo do Estado, que destinou, então, o recurso de R$16 milhões. A estimativa é de que o novo equipamento seja entregue em cerca de dois anos.
 
O prefeito Kayo Amado recordou as dificuldades encontradas no início da gestão, e salientou os esforços para proporcionar uma nova saúde a São Vicente. “São Vicente terá uma UPA para chamar de sua. Na Área Continental já entregamos o Pronto-Socorro do Rio Branco, que hoje é referência na Baixada. O sistema de saúde está dia a dia mais organizado, com o Hospital do Vicentino, o novo Cemesv (Centro de Especialidades Médicas de São Vicente), o Pronto-Socorro Central e muito que ainda está por vir. Parte do nosso desafio era recuperar a credibilidade de São Vicente. O morador da Área Continental tem visto de perto a diferença do PS do Rio Branco. Na Área Insular temos o PS central, que já é muito melhor do que o que se via no Crei. A UPA será histórica para o Município. Esse era o desafio proposto: entregar uma saúde digna ao morador, em todos os cantos da Cidade".
 
A cerimônia contou também com uma celebração promovida por lideranças religiosas da região, por se tratar de um local que lida diretamente com o salvamento de vidas.
 
Nova Saúde São Vicente - O início da demolição do Crei representa mais um avanço do programa Nova Saúde São Vicente, que visa reestruturar o atendimento da saúde pública da Primeira Cidade do Brasil, oferecendo um serviço digno ao cidadão, atrelando estrutura, tecnologia e qualificação profissional.
 
Desde então, grandes entregas marcaram a nova era da saúde no Município, como a inauguração do Hospital do Vicentino, que posteriormente foi contemplado com a sua ampliação, formando o Quarteirão da Saúde; o Pronto-Socorro do Rio Branco e o Centro de Especialidades Médicas de São Vicente. 
 
“Nós trabalhamos muito nesses três anos para que esse dia chegasse. Muita coisa teve que acontecer antes. Então, eu quero deixar aqui todo o meu prestígio aos funcionários que passaram pelo Crei”, comentou a secretária da Saúde, Michelle Santos.
 
Atendimento momentâneo - Para que o vicentino seja atendido com dignidade até que a demolição do Crei e posterior construção da UPA sejam concluídas, o Município está, desde sexta-feira (29), atendendo aos casos de urgência e emergência e demais atribuições no novo Pronto-Socorro Central, localizado na Linha Amarela (Avenida Marechal Cândido Mariano da Silva Rondon, 425 - Vila Margarida). 
 
O prédio conta com sala de urgência e emergência, controle e repouso adulto e pediátrico, Raio-X, consultórios odontológicos, clínicos e pediátricos, postos odontológicos, sala para vacinas, sala de inalação, eletrocardiograma, assistência farmacêutica e almoxarife 24h, entre outros.
 
Além do prefeito e da secretária, marcaram presença a vice-prefeita Sandra Conti, os padres Thiago e Renan, o pastor Roberto Carlos, os vereadores Adilson da Farmácia, Prof. Thiago Alexandre, Tiago Peretto, Rodrigo Digão, Felipe Rominha, Jailton Jatobá, o deputado estadual Paulo Corrêa Jr, Bruno Maraccini (representando a deputada estadual Solange Freitas), o presidente da Associação Comercial de São Vicente (ACSV), Paulo César, a presidente do Lions Clube de São Vicente, Márcia Capelazzo, o coordenador da Adesaf, Bruno Nunes, Cap. Osmar Escochi Jr (representando Major Abreu, do 39º Batalhão da Polícia Militar), Rita Bulhões (conselheira municipal de saúde), secretários municipais e demais autoridades.

Atalhos da página

Rede Corporativa e-Solution Backsite