Rede Corporativa
Santos - São Paulo - Brasil, 26 de maio de 2024.
15/02/2024
NOTÍCIAS
Prefeitura presta contas à Câmara Municipal de São Vicente
O prefeito de São Vicente, Kayo Amado, prestou contas da gestão referentes ao ano de 2023 e início de 2024 à Câmara Municipal de São Vicente. Em sessão promovida na tarde desta quinta-feira (15), o chefe do Executivo vicentino apresentou ao Legislativo as principais entregas e avanços ao longo do período, com melhorias na saúde, educação, infraestrutura e os principais desafios impostos pelo cenário de dificuldades financeiras no qual o Município se encontra. 
 
Gestão - Durante a apresentação, o prefeito mencionou o processo de reorganização para equilibrar as contas do Município e os principais desafios enfrentados com a crise financeira que abalou diversas cidades do Brasil no ano passado. Mesmo diante desse cenário, com a queda de repasses significativos do FPM, ICMS e Fundeb, Kayo Amado destacou o pagamento de mais de R$100,5 milhões de dívidas em 2023, totalizando quase R$250 milhões desde o início da gestão; a negociação de dívida com o Instituto de Previdência dos Servidores Municipais de São Vicente (lPRESV), com aporte, somado à dívida de quase R$ 492 milhões; o prefeito finalizou o tópico abordando as transferências voluntárias, que se referem a recursos provenientes de emendas parlamentares, investimentos do Governo do Estado, entre outros, já totalizando R$209,6 milhões desde o início do mandato.
 
Educação - Tratada como prioridade pela Administração Municipal, a Educação tem passado por uma verdadeira transformação. Na sessão, o prefeito citou os avanços no setor, como a entrega de uniforme e material escolar completos; o início do funcionamento dos ambientes municipais de ensino integral (AMEI's) - a AMEI Parque São Vicente também será inaugurada neste mês; a revitalização de sete unidades educacionais, entre outros. 
 
"É uma escolha nossa fazer bem feito. A criança é prioridade. Nosso propósito desde o início é proporcionar aos pequenos melhores condições para que possam sonhar. É incalculável o impacto que esses investimentos na educação irão gerar no futuro da Cidade", declarou.
 
Saúde - O sistema público de saúde do Município também tem passado por uma grande reformulação, por meio do programa Nova Saúde São Vicente, que contemplou, entre 2023 e o início de 2024, a entrega da fase 2 do Hospital do Vicentino, o novo Pronto-Socorro Central e início do processo de demolição do Crei (que dará lugar à nova UPA Central), o Pronto-Socorro do Rio Branco na Área Continental e o Centro de Especialidades Médicas de São Vicente (Cemesv), além do início das obras do Novo Complexo Materno Infantil, na Avenida Capitão-Mor Aguiar. 
 
"Na Educação, vislumbramos a transformação de uma São Vicente a longo prazo. Na Saúde, o impacto é imediato. Assumimos a Cidade com equipamentos sucateados, locais sem estrutura. Quando assumimos, as unidades de saúde não atendiam às normas da Vigilância Sanitária para atendimento ao público. Era esse o cenário. Hoje, nos deparamos com unidades reformadas, um novo hospital e demos fim ao Crei", ressaltou.
 
Infraestrutura - Uma das pautas da apresentação também foi as entregas de promoção ao desenvolvimento urbano. O chefe do Executivo listou conquistas e obras como do  Parque da Juventude, os píeres dos Apaixonados e do Pelé e a revitalização de toda a Orla do Gonzaguinha, a alça de acesso à Rodovia dos Imigrantes, as novas coberturas e calçadas do Centro, a ciclovia da Avenida Antônio Emmerich, Av Ulisses Guimarães e a reurbanização do canal da Avenida Eduardo Souto. 
 
As entregas em infraestrutura compõem um ambicioso projeto de potencialização da economia vicentina, conectando seus principais elementos: o programa São Vicente de Cara Nova. “O São Vicente de Cara Nova consiste em uma série de articulações de reestruturação do eixo centro-praia, região que mais movimenta a economia da nossa cidade, conectando cultura, esporte, turismo e comércio. As coisas acontecem de maneira organizada, com uma linha de raciocínio lógico, trecho por trecho".
 
Kayo Amado também citou intervenções garantidas para o futuro, como a reurbanização das praças da Biquinha e 22 de Janeiro e do Deck dos Pescadores, a construção da Praça da Bíblia e as obras de extensão do VLT até a Área Continental. 
 
"Essa também é uma conquista do nosso governo, que esteve no momento certo para executar esse pleito junto ao Estado. Hoje temos o contrato assinado para a execução do primeiro trecho das obras para expansão do VLT, que começará em breve, no trecho da Ponte. Muitos venderam sonhos, hoje isso é uma realidade", enfatizou.
 
Aprovação do Tribunal de Contas do Estado - O prefeito concluiu sua apresentação destacando uma importante conquista do primeiro ano de mandato: a aprovação do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCESP) em seu primeiro ano de mandato, marcando a primeira aprovação das contas anuais de São Vicente desde 2009.
 
Kayo Amado também apresentou uma fala na qual o presidente da sessão que contemplou a conquista, Renato Martins, recordou as sequentes reprovações de São Vicente nos anos anteriores, parabenizando a performance do prefeito Kayo Amado na busca pelo reequilíbrio fiscal. "É marcante o voto em relação a São Vicente, porque há anos nós reprovamos as contas da Cidade. Parece que o esforço da nova administração indica um caminho que temos que prestigiar".
 
A apresentação do prefeito foi prontamente elogiada pelos vereadores participantes da sessão, que, inclusive, reafirmaram o apoio ao Executivo, aprovando a prestação de contas. 
 
Participaram da sessão os vereadores Adilson da Farmácia, Alfredo Moura, Castelinho, Dercinho Negão do Caminhão, Higor Ferreira, Jailton Jatobá, Jhony Sasaki, Prof. Thiago Alexandre, Rodrigo Digão e Tiago Peretto.

Atalhos da página

Rede Corporativa e-Solution Backsite