Rede Corporativa
Santos - São Paulo - Brasil, 02 de dezembro de 2023.
07/12/2020
NOTÍCIAS
Educadora de São Vicente aborda o respeito às diferenças em livros infantojuvenis
“Nem toda menina gosta de cor-de-rosa” e “Cacal e Gigi”, de Damiana Albuquerque e Reginaldo Bombini, foram lançados no sábado (5)
 
Reflexões sobre as diferenças de gênero e a Comunicação Não Violenta (CNV) estão presentes nas obras lançadas pela pedagoga Damiana Albuquerque, em parceria com Reginaldo Bombini (facilitador de círculos de homens contra o machismo), Edlayne Martins e Carlos Roberto “Catts” da Silva.

“Nem toda menina gosta de cor-de-rosa” e “Cacal e Gigi em linguagem do Coração” são os títulos de estreia da educadora de São Vicente, lançados no sábado (5), durante a Feira Literária de Santo André, que este ano aconteceu de forma on-line.

No livro infantil “Nem toda menina gosta de cor-de-rosa”, o tema gira em torno de Beatriz, uma garota que sofre por não se enquadrar nos estereótipos de gênero, mas que conta com o apoio familiar para superar de forma resiliente os obstáculos impostos pela sociedade.

Enquanto se cobra uma postura de brincar com bonecas e usar vestidos rosa (“cor de menina”), ela decidiu escolher o próprio caminho, escrever a sua história e viver os seus sonhos.
“O livro leva a refletir sobre uma cultura não pacífica de gênero que tenta definir o que as meninas devem ser, ou não, quando crescerem”, aponta a autora, cujo objetivo é inspirar meninas e mulheres na busca da desconstrução do machismo e na promoção da igualdade de gênero.

A publicação tem o DNA vicentino, uma vez que, além de Damiana (professora da rede municipal de ensino), tem ilustrações da técnica em edificações e graduanda em Design Gráfico, Edlayne Martins, uma jovem artista nascida na Cidade e moradora da área continental.
 
Cacal e Gigi – Escrito em parceria com o educador e mediador de conflitos, Reginaldo Bombini, “Cacal e Gigi em linguagem do Coração” apresenta a bicharada da savana africana, que se reúne para brincar. Apesar de levarem a vida inspiradas na filosofia Ubuntu, as personagens são imperfeitas como qualquer ser senciente. O Ubuntu prega a importância das alianças e do relacionamento entre pessoas. Assim, diante de um conflito, como a turma de animais reage? Nesta história, a chacal Cacal mostrará as dificuldades que temos para comunicar e relacionar. Já a girafa Gigi nos apresenta a comunicação não violenta (CNV), tratada no livro como a “linguagem do coração”. A ilustração é do renomado grafiteiro Carlos Roberto da Silva, o Catts.

As obras fazem parte da coleção “Eu faço Cultura de Paz”, na busca pela convivência pacífica. Embora voltados ao público infantil e juvenil, as duas histórias podem ser apreciada por leitores de todas as idades.
 
Vendas – Os livros podem ser comprados pelas páginas do Instagram @nemtodameninagostadecorderosa e @cacalgigiemalinguagemdocoracao, ou nas páginas do Facebook, nomeadas com os títulos das obras. Na aquisição dos dois títulos, é oferecido desconto especial.
 


Atalhos da página

Rede Corporativa e-Solution Backsite